sábado, 12 de dezembro de 2009

Manoel

Manoel da Silva Costa, nascido a 14 de Fevereiro de 1953, em Porto Alegre, no Brasil, foi um dos bons avançados brasileiros que passaram pelo Sporting na 2ª metade da década de 70 e princípio da década de 80.
Manoel formou com Manuel Fernandes e Jordão um dos melhores trios atacantes de sempre do futebol do Sporting. Juntos foram decisivos na conquista do Campeonato Nacional da época de 1979/80, na qual Jordão se sagrou o melhor marcador da prova, com 31 golos, seguido de Manoel com 12 golos e Manuel Fernandes com 10 golos.
Manoel ingressou no clube de Alvalade aos 23 anos, já com a temporada de 1975/76 a decorrer, tendo-se estreado, com a camisola dos "leões", apenas a 11 de Abril de 1976, em jogo realizado em Braga, a contar para a 27ª jornada do campeonato nacional, no qual o Sporting foi derrotado pelo Sporting de Braga por 2-1.
Manoel jogou em Alvalade ao longo de 6 épocas, entre 1975/76 e 1980/81, tendo, durante esse período de tempo, realizado, de "leão ao peito", 148 jogos e marcado 56 golos. Manoel era um avançado lutador, forte e rápido. Possuía uma técnica razoável, um grande sentido de oportunidade e óptimo "faro" pelo golo. Manoel combinava muito bem com Manuel Fernandes, Keita e Jordão, os seus grandes companheiros do ataque leonino. Juntos fizeram muitos golos e contribuiram para muitas alegrias e vitórias do Sporting.
À semelhança de muitos outros avançados que, por um motivo ou por outro, se destacaram, pela positiva, num jogo em especial, também Manoel teve a sua tarde de glória ao serviço do Sporting. Aconteceu precisamente num "derby" Sporting-Benfica, realizado a 13 de Março de 1977, no Estádio José Alvalade, a contar para os quartos-de-final da Taça de Portugal. Neste jogo memorável e inesquecível para Manoel, o Sporting venceu o Benfica, de forma concludente, por 3-0, tendo o avançado brasileiro marcado os 3 golos dos "leões".
Na edição do Jornal "A Bola" do dia seguinte, na capa alusiva ao jogo, aparecia escrito o nome de Manoel com três O, isto é, MANOOOEL, numa homenagem e reconhecimento pelos 3 golos obtidos pelo avançado brasileiro frente ao eterno rival lisboeta.
Ao serviço do Sporting, Manoel conquistou um Campeonato Nacional, na época de 1979/80, e venceu uma Taça de Portugal, na época de 1977/78, tendo sido, ainda, finalista vencido da mesma competição na época seguinte.
No final da época de 1980/81, após 6 anos felizes passados em Alvalade, Manoel, então com 28 anos, abandonou o Sporting. O avançado brasileiro deixou saudades nos adeptos sportinguistas, sendo, ainda hoje, recordado, com nostalgia, não apenas pelo seu "hat-trick" diante do Benfica, mas também pelas exibições realizadas e pela mais de meia centena de golos que apontou com a camisola leonina. Em Portugal, Manoel ainda jogou no Portimonense e no Sporting de Braga.

5 comentários:

Vtitor Ferreira disse...

manoel trabalha na vasp.

sloct disse...

Que jeito que ele nos dava hoje em dia.

Dingo disse...

MANO333L também marcou 3 golos contra o C.S. Marítimo em Alvalade na época de 1979/80.

Sporting 4, Marítimo 1.

0-1, Marítimo, Valter (ex-Sporting)
1-1, Sporting, Zezinho
2-1, Sporting, Manoel
3-1, Sporting, Manoel
4-1, Sporting, Manoel

Para além disso, Manoel ainda enviou uma bola à barra.

Dingo disse...

Também,

Manoel fez parte do 'escrete' brasileiro nos Jogos Olímpicos de 1972, eu creio.

ogirdoR disse...

Também jogou no Académico de Viseu!