quarta-feira, 2 de junho de 2010

Os "Conquistadores" do "Mundial da Alemanha-2006" com 2 "leões".

Pela 2ª vez consecutiva e pela 4ª vez na sua História, a Selecção Nacional marcou presença em mais uma edição do Campeonato do Mundo, desta vez, realizado em 2006, na Alemanha. Dos 23 seleccionados lusitanos que haviam estado presentes no "Mundial" da Coreia do Sul e Japão, em 2002, transitaram 7 jogadores para o "Mundial" da Alemanha de 2006. Foram eles: o guarda-redes Ricardo, o defesa Caneira, os médios Petit, Hugo Viana e Figo e os avançados Pauleta e Nuno Gomes.

Os 23 "conquistadores" e o quarteto técnico nacional,
liderado pelo brasileiro Luiz Felipe Scolari.

Relativamente à célebre "geração de ouro" do futebol português, constituída pelos jogadores que se sagraram Campeões do Mundo em duas edições consecutivas do "Mundial" de sub-20, em 1989 (Riade, na Arábia Saudita) e em 1991 (Lisboa), apenas houve a registar, no "Mundial" de 2006, a presença de um único "sobrevivente", Luis Figo, capitão da Selecção Nacional, na Alemanha.

Equipa das "quinas" que alinhou diante do México, no 3º e último jogo da fase
de grupos, tendo vencido por 2-1 (golos de Maniche e Simão).
Em cima (da esquerda para a direita): Ricardo (g.r.), Tiago, Hélder Postiga,
Ricardo Carvalho, Fernando Meira e Miguel.
Em baixo (mesma ordem): Caneira, Maniche, Petit, Figo (cap.) e Simão.

Passados 40 anos da fantástica "epopeia" dos "Magriços", que culminou com a conquista de um brilhante 3º lugar no "Mundial" de Inglaterra, em 1966, Portugal voltou a atingir as meias-finais desta competição, sendo, no entanto, derrotada (1-0) pela França. Desta vez, porém, os "Conquistadores" não conseguiram alcançar um lugar no pódio, uma vez que, no jogo de atribuição dos 3º e 4º lugares, a Alemanha, a "selecção da casa", derrotou Portugal por 3-1. Ainda assim, a "equipa de todos nós" obteve um excelente 4º lugar, a sua 2ª melhor classificação de sempre num Campeonato do Mundo.

Ricardo e Caneira.

Nos 23 seleccionados de Scolari para a campanha do "Mundial" da Alemanha, estiveram presentes apenas 2 jogadores do Sporting, o guarda-redes Ricardo e o defesa esquerdo Caneira. Comparativamente com os 3 "Mundiais" anteriores, este foi o menor contingente leonino de sempre. Curiosamente, estes 2 jogadores já haviam estado presentes, 4 anos antes, no "Mundial" da Coreia do Sul e do Japão, então ao serviço, respectivamente, do Boavista e do Benfica. Porém, nesse "Mundial" de má memória para Portugal, Ricardo e Caneira não chegaram a efectuar qualquer jogo. Em 2006, Ricardo foi titular absoluto da baliza portuguesa, enquanto que Caneira realizou apenas um jogo.

6 comentários:

Ruben 32 disse...

Os "cancros" da selecção.

Ricardo dos pintos disse...

Jogadores do Sporting na SELECÇÃO é sinal de fracasso.

ALEXANDRE disse...

Isso não é verdade. Por exemplo, no "Mundial" de 1966, em Inglaterra, no qual Portugal ficou em 3º lugar, o Sporting foi o clube que forneceu mais jogadores à Selecção Nacional: 8 no total!

Rui Martins disse...

E Jordão? Damas? Manuel Fernandes? Quanto a Liedson só no fim do mundial é que se verá se fracasso ou não!

PaiDaLeoa disse...

Nota: parece-me difícil a foto ser da Jogo3, pois os atletas que viram 2 amarelos (Jogo1 + Jogo2), ficaram todos no banco, incluindo o L. Figo e recordem as palavras do Scolari:

"...nem que estejamos perdendo de 32 a zero, eles entrarão..."

...o Figo até está na foto, como tendo entrado a capitão... estarei errado, em face de má memória?

Abraço.

ALEXANDRE disse...

Caro amigo. Garanto-lhe que esta é a equipa de Portugal que defrontou o México no 3º e último jogo da fase de grupos. Se tiver dúvidas, posso enviar-lhe para o seu email a ficha desse jogo. Após as vitórias diante de Angola (1-0) e do Irão (2-0) e com a qualificação garantida, Scolari poupou Deco, Costinha, Pauleta e Ronaldo. Saudações leoninas!