domingo, 13 de março de 2011

Sporting - Uma potência do atletismo europeu e mundial!

No fim de semana passado, em Paris, nos Campeonatos da Europa em pista coberta, dois atletas leoninos, Francis Obikwelu e Naíde Gomes, contribuíram com as medalhas conquistadas para prestigiar, uma vez mais, o atletismo português e, em particular, o Sporting, clube ao qual pertencem. Naíde Gomes ficou classificada na 2ª posição na prova de salto em comprimento, enquanto que Francis Obikwelu venceu a prova de 60 metros.

Com a conquista da medalha de prata no salto em comprimento, a atleta leonina alcançou a sua 11ª medalha em grandes competições internacionais de atletismo, cuja proeza a coloca entre as melhores especialistas europeias e mundiais de salto em comprimento nesta 1ª década do século XXI.

Indicamos a seguir, por ordem cronológica, todas as medalhas conquistadas até hoje pela atleta leonina, que nasceu há 31 anos (20 de Novembro de 1979) em São Tomé e Príncipe:

- Campeonato da Europa em pista coberta (Viena - 2002): medalha de prata no pentatlo;

- Campeonato do Mundo em pista coberta (Budapeste - 2004): medalha de ouro no pentatlo;

- Campeonato da Europa em pista coberta (Madrid - 2005): medalha de ouro no salto em comprimento;

- Universíadas (Izmir - 2005): medalha de prata no salto em comprimento;

- Campeonato da Europa ao ar livre (Gotemburgo - 2006): medalha de prata no salto em comprimento;

- Campeonato do Mundo em pista coberta (Moscovo - 2006): medalha de bronze no salto em comprimento;

- Campeonato da Europa em pista coberta (Birmingham - 2007): medalha de ouro no salto em comprimento;

- Campeonato do Mundo em pista coberta (Valência - 2008): medalha de ouro no salto em comprimento;

- Campeonato da Europa ao ar livre (Barcelona 2010): medalha de prata no salto em comprimento;

- Campeonato do Mundo em pista coberta (Doha - 2010): medalha de prata no salto em comprimento;

- Campeonato da Europa em pista coberta (Paris - 2011): medalha de prata no salto em comprimento;

As 11 medalhas conquistadas por Naíde Gomes na última década, distribuem-se da seguinte forma: 4 de ouro, 6 de prata e uma de bronze. É um magnífico palmarés, o qual ainda pode vir a ser enriquecido até ao final de 2012, ano de Jogos Olímpicos, em que a atleta leonina terá quase 33 anos e será a sua última oportunidade de conquistar a única medalha que lhe falta no currículo: a medalha olímpica que lhe escapou nas duas edições anteriores (Atenas - 2004 e Pequim - 2008). Esperemos que à terceira seja de vez!

Com a conquista da medalha de ouro nos 60 metros, Francis Obikwelu alcançou, em representação de Portugal, a sua 6ª medalha em grandes competições internacionais de atletismo, sendo que, em representação da Nigéria, o atleta leonino já havia anteriormente conquistado 5 medalhas (duas delas como júnior).

Indicamos a seguir, por ordem cronológica, todas as medalhas conquistadas até hoje por Francis Obikwelu (no Sporting desde 1997), que nasceu há 32 anos (22 de Novembro de 1978) na Nigéria:

NIGÉRIA:
- Campeonato do Mundo de juniores ao ar livre (Sidney - 1996): duas medalhas de ouro nos 100 e 200 metros;

- Campeonato do Mundo em pista coberta (Paris - 1997): medalha de bronze nos 200 metros;

- Campeonato do Mundo ao ar livre (Atenas - 1997): medalha de prata nos 4 x 100 metros;

- Campeonato do Mundo ao ar livre (Sevilha - 1999): medalha de bronze nos 200 metros;

PORTUGAL:
- Campeonato da Europa ao ar livre (Munique - 2002): uma medalha de ouro nos 100 metros e uma medalha de prata nos 200 metros;

- Jogos Olímpicos (Atenas - 2004): medalha de prata nos 100 metros (recorde da Europa: 9,86 segundos);

- Campeonato da Europa ao ar livre (Gotemburgo - 2006): duas medalhas de ouro nos 100 e 200 metros;

- Campeonato da Europa em pista coberta (Paris - 2011): medalha de ouro nos 60 metros.
Curiosamente, Francis Obikwelu possui o mesmo número de medalhas que Naíde Gomes, num total de 11, embora estas tenham sido conquistadas ao serviço da Nigéria e, mais tarde, de Portugal e se distribuam de forma diferente: 6 de ouro, 3 de prata e duas de bronze.
Após quase 5 anos sem conquistas a nível internacional, Francis Obikwelu regressou às vitórias e promete voltar aos seus tempos áureos, em que se tornou num dos melhores velocistas europeus e mundiais, sobretudo de 100 metros, da primeira década do século XXI.
A terminar, não quero deixar de referir, uma vez mais, o facto indesmentível e glorioso que confirma o Sporting como uma das maiores potências europeias e mundias de atletismo: é o clube da Europa que possui mais atletas com títulos de campeão europeu, campeão mundial e medalhados em grandes competições internacionais, incluindo os Jogos Olímpicos. Ainda no que diz respeito ao atletismo, o Sporting é igualmente detentor de 2 recordes notáveis: é o único clube europeu que, até ao momento, ganhou a Taça dos Campeões Europeus de pista e a Taça dos Campeões Europeus de crosse (corta-mato), sendo também o clube com mais títulos europeus de atletismo: 14 de crosse e 1 de pista.
Mais palavras para quê! Viva o Sporting, o nosso grande amor!

8 comentários:

Admin disse...

Já conheces a nova comunidade de futebol?

www.nbola.com

Visita e participa, estamos a recrutar moderadores para as várias secções.

www.nbola.com

Mário Gouveia disse...

Alexandre,
Excelente apontamento!

Para se aquilatar da grandeza do Sporting e do seu Atletismo, dou apenas 2 exemplos (podiam ser tantos outros):
Na Taça dos Clubes Campeões Europeus de Corta-Mato, em 18 edições consecutivas da Prova, entre 1977 e 1995 (em 1978 não se realizou), o Sporting Clube de Portugal classificou-se colectivamente sempre nos dois primeiros lugares!
No Campeonato Nacional de Pista (masculinos) entre 1956 e 1979, foram obtidos 23 títulos em 24 possíveis! (só falhando a equipa o título do ano de 1967)

Só mais uma achega: aos interessados pelos feitos do atletismo do Sporting consultem a página da Wikipédia. Não fui eu que a criei mas tenho-a actualizado sempre que posso e acrescentei-lhe muitos itens, como as medalhas que os nossos atletas conquistaram ao serviço da Selecção Nacional, vitórias em crosses famosos, escalões jovens, etc.
Abraço.
http://pt.wikipedia.org/wiki/Atletismo_do_Sporting_Clube_de_Portugal#T.C3.ADtulos_individuais

sloct disse...

Fossem estes atletas doutro clube e o que é que a imprensa não dizia e fazia.

Curioso como um nosso ex-atleta, o tal que não gosta nada de competir de manhã, teve num certo e determinado jornal desportivo, "só" (entre aspas porque não estou a menosprezar o que ele conseguiu, longe disso) por ter passado à final da sua competição, um destaque igual ao de atletas que conseguiram medalhas, uma das quais por acaso de ouro.

Pai da Leoa disse...

Amigos;

já que se falou em Atletismo, alguém tem dados concretos dos títulos conquistados a nível do Ar Livre?

Nomeadamente os títulos femininos, pois se os 3 disto grandes não me oferecem dúvidas, já as conquistas das meninas do Belém (10 ou 12 ???), não arranjo maneira de validar os dados...

Miguel disse...

Grande Obwikuelu

Está a decorrer o concurso "Com 50 milhões eu fazia" em que você tem que fazer o seu plantel do Sporting para a próxima época atacar o titulo.

O mais realista será o vencedor, concorra em:

imperiofutebolistico.blogspot.com

Anónimo disse...

Seminário "Estilos de vida e acesso às práticas Desportivas" na E.B 2,3 de Sabóia, no dia 32 de Março pelas 14h30, com a presença de Francis O. e seu treinador.

Anónimo disse...

corrijo, dia 31 de Março

Anónimo disse...

Apesar de não serem portugueses (nativos) são bons atletas.